Você está em Ajuda > Dicionário

Dicionário de Filosofia

Metamoral
Estudo dos fundamentos da moral. Estudo das estruturas lógico-linguísticas da moral.
 

Metáfora
Transferência de significado. Aristóteles diz: A Metáfora consiste em dar a uma coisa um nome que pertence a outra coisa: transferência que pode realizar-se do gênero para a espécie, da espécie para o gênero, de uma espécie para outra ou com base numa analogia.
 

Metéxis
Participação. Palavra usada por Platão para indicar um dos modos possíveis de relação entre as coisas sensíveis e as ideias.
 

Metempsicose
Crença na transmigração da alma de corpo em corpo. Essa crença é muito antiga e de origem oriental, mas o termo só aparece nos escritores dos primórdios da era cristã. Plotino ás vezes usa o termo metensomatose, que seria mais exato. A crença, difundida pelas seitas órficas e pelos pitagóricos, foi aceita por Empédocles, por Platão, por Plotino, pelos neoplatônicos e pelos gnósticos.
 

Metodologia
1 - Lógica ou parte da lógica que estuda os métodos; 2- Lógica transcendental aplicada; 3 - Conjunto de procedimentos metódicos de uma ou mais ciências; 4 - A análise filosófica de tais procedimentos.
 

Microcosmo
O Microcosmo é o animal e por vezes o homem e o macrocosmo é o mundo, esse tema filosófico é antigo, que nasceu da tendência a interpretar todo o universo com fundamento no universo menor, que é o homem para si mesmo. Aristóteles expunha da seguinte maneira esse principio de interpretação, a propósito da possibilidade do movimento autônomo: Se isso é possível no animal, o que pode impedir que aconteça no mundo também? Se ocorre no Microcosmo, pode acontecer também no cosmo grande; e, se ocorre no cosmo, pode acontecer também no infinito, se é possível que o infinito se mova e esteja em repouso em sua totalidade.
 

Mimansa
Um dos grandes sistemas filosóficos da índia antiga, cuja fundação é atribuída a Jaimini. É substancialmente uma interpretação da doutrina dos Vedantas e pretende ser uma técnica de libertação. Opõe-se ao conceito de Deus criador e admite a realidade da matéria e das almas.
 

Minimum
Lucrécio designava de Minimum o átomo. Nicolau de Cusa insistia sobre a coincidência do máximo e do mínimo em Deus e Giordano Bruno usou a palavra no sentido de Cusa.
 

Misologia
Termo criado por Platão para indicar o ódio aos raciocínios. Segundo Platão, a Misologia nasce da mesma forma que a misantropia. Assim como a misantropia nasce de se ter confiado em alguém sem discernimento, a Misologia nasce de se ter acreditado, sem possuir a arte do raciocínio, na verdade de raciocínios que depois se mostraram falsos. Segundo Kant, a Misologia nasce quando se confia à razão a tarefa de obter a fruição da vida e a felicidade, tarefa para a qual ela não está apta, uma vez que seu destino, como faculdade prática, é conduzir à moralidade.
 

Misticismo
Toda doutrina que admita a comunicação direta entre o homem e Deus. A palavra mística começou a ser usada nesse sentido nas obras de Dionísio, o Aeropagita, pertencentes à segunda metade do século V e inspiradas no neoplatônico Proclo. Em tais obras é acentuado o caráter místico do neoplatonismo original, que é a doutrina de Plotino.
 

   

 
 
Como referenciar: "Dicionário - M" em Só Filosofia. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2021. Consultado em 02/08/2021 às 08:28. Disponível na Internet em http://filosofia.com.br/vi_dic.php?pg=2&palvr=M