Você está em Material de apoio > Resenhas

Resenha do mês

(12/Set)

Filosofia Clínica: a filosofia no hospital e no consultório

Trata-se apenas de uma re-edição de parte da obra Filosofia Clínica: propedêutica? Não. De fato, praticamente metade do livro reproduz parte da citada obra, o que já seria interessante visto ser um livro esgotado. Mas a essa parte, Lúcio Packter acrescentou vários artigos, muitos publicados anteriormente em sua coluna na revista Filosofia, Ciência & Vida, alguns publicados em outros veículos.
Na primeira parte, a re-edição de Filosofia Clínica: propedêutica, apresenta, sinteticamente, o funcionamento da filosofia clínica, uma forma de aplicação dos métodos filosóficos a questões existenciais. Suas pesquisas, no hospital e no consultório, resultam em uma inovadora abordagem aos problemas, permitindo o respeito à singularidade, o olhar para a pessoa e não para a doença ou para o problema, ampliando o espectro de compreensão das questões e, conseqüentemente, das possibilidades para lidar com elas. Motivado pelo sofrimento observado nos hospitais, devido a dores e limitações enfrentadas pelas pessoas e seus acompanhantes, Packter buscou, na filosofia, uma forma de abordagem a tais situações, uma forma de cuidado já encontrada nas origens da filosofia: "conhecer para cuidar". Considerando que para atingir um grau de profundidade necessário ao filosofar recorremos, como método, à historicidade, pois um conceito sem o histórico de sua gênese é compreendido apenas superficialmente, Packter propõe a necessidade de conhecer o histórico do partilhante - pessoa que busca o atendimento em filosofia clínica - para que o filósofo possa situar o assunto trazido à clínica não somente no contexto de seu surgimento, mas, principalmente, no contexto de vida da pessoa, no universo no qual ela se insere. Neste livro ele apresenta, sucintamente, as três partes fundamentais do método: "Na primeira, os exames categoriais, na segunda, a pesquisa da estrutura de pensamento. E, na terceira, a questão é o que fazer clinicamente quanto aos problemas encontrados na EP (estrutura de pensamento) da pessoa...".
Na segunda parte do livro, Packter seleciona alguns de seus artigos publicados na coluna Feitos e Dilemas da Revista Filosofia, Ciência & Vida. Artigos que abordam dilemas, polêmicas, situações que encontramos em nosso cotidiano e, fazendo uso de uma abordagem filosófico-clínica, discute tais questões, nem sempre refletidas, nem sempre consideradas por um olhar que olha para sua própria estrutura, para suas próprias lentes, através das quais vê o mundo.
Em linguagem simples, direta, agradável, Packter apresenta um pequena parte de suas pesquisas, instigando o leitor a desejar mais elementos.

DADOS:
Título: Filosofia Clínica: a filosofia no hospital e no consultório
Autor: Lúcio Packter
Ano: 2008
Editora: All Print
Páginas: 127
ISBN: 978-85-7718-259-6
Valor: R$ 15,00 (quinze reais)

Responsável: Monica Aiub
 
       

 
 
Como referenciar: "Filosofia Clínica: a filosofia no hospital e no consultório - Resenha" em Só Filosofia. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2020. Consultado em 12/07/2020 às 01:06. Disponível na Internet em http://filosofia.com.br/vi_res.php?id=11