Biblioteca Virtual
 Biografia de Filósofos
 História da Filosofia
 Laifis de Filosofia

 Eventos
 Resenhas
 Livros
 Entrevistas

 Oráculo
 Dicionário de Filosofia
 Vídeos de Filosofia
 Rádio Filosofia
 Como estudar Filosofia
 Dicas para Monografia
 Filos. e Outras Áreas
 Filos. na Sala de Aula

 Exercícios Comentados
 Jogos On-line
 Provas de Concursos

 Curso de Filosofia

 Curiosidades Filosóficas
 Escolas de Filosofia
 Filosofia Clínica
 Histórias Filosóficas
 Relato do Leitor
 Frase de um Leitor
 Charges
 Fil. para Crianças
 Lançamento de Livros
 Livros para Download
 Frase de Filósofos
 Uma Foto, uma História
 Trechos de Livros
 Enquetes
 Cursos de Extensão
 Fale Conosco

 

 

Dicionário de Filosofia

Tautologia
Discurso ou definição vicioso e inútil, pois repete na consequência, no predicado ou no definição o conceito já contido no primeiro membro. Processo de raciocínio que consiste em repetir com outras palavras o que se pretende demonstrar.
 

Tábula Rasa
Estado de absoluto vazio mental anterior a toda experiência. Platão pensava que a alma era parecido a um bloco de cera onde se gravam as sensações e os pensamentos de que depois nos lembramos. Aristóteles comparava o intelecto a uma tabuinha onde nada está escrito.
 

Tédio
Para Blaise Pascal, sem o divertimento haveria o tédio, e este nos levaria a buscar um meio mais sólido para sair dele. Mas o divertimento nos deleita e assim nos faz chegar distraídos à morte; Arthur Schopenhauer acreditava que tão logo a miséria e a dor concedem uma trégua ao homem, o tédio chega tão perto que ele necessita de um passatempo, por isso, segundo ele, a vida oscilava continuamente entre a dor e o tédio. Martin Heidegger entendia que o tédio é o sentimento que revela a totalidade das coisas existentes em sua indiferença.
 

Tética
Para Immanuel Kant: qualquer conjunto de doutrinas dogmáticas.
 

Tético
Para Johann Gottlieb Fichte, Tético é o juízo no qual alguma coisa não é posta como igual ou contrária a outra, mas apenas como igual a si mesma. Por exemplo o juízo Eu Sou, no qual, nada se afirma do eu, mas deixa-se vazio o lugar do predicado para a possível determinação do eu ao infinito.
 

Tecnocracia
Uso da técnica como instrumento de poder por parte de dirigentes econômicos, militares e políticos, em defesa de seus interesses, considerados concordantes ou unificados, com vistas ao controle da sociedade.
 

Teleóclise
Tendência à atividade finalista, considerada própria dos organismos vivos. Semelhante, em Filosofia Clínica, ao Discurso Completo, que diz respeito a quando a vivência de algo é completa.
 

Teleofobia
Aversão ao finalismo. Semelhante em Filosofia Clínica ao Discurso Incompleto, que diz respeito a quando a vivência de algo é incompleta.
 

Teleologia
Parte da filosofia que explica os fins das coisas.
 

Teleonomia
1 - Interpretação das causas finais como o resultado de um conjunto de princípios. 2 - Pensamento de que as estruturas ou funções dos organismos vivos existem devido às vantagens seletivas que são capazes de proporcionar, indicando a adaptação funcional dos seres vivos e de seus artefatos à conservação e à multiplicação da espécie.
 

 
 

Entrevistas

Novidades

 


Receber
Parar de receber

Livros

Gostou do site?

Seu nome:

Nome do seu amigo:

E-mail do seu amigo:

Sites parceiros:

Sobre nós | Política de privacidade | Contrato do Usuário | Fale conosco

Copyright © 2008-2017 Só Filosofia. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Virtuous.